Eu Quero Mesmo

Eu quero mesmo é cantar yê-yê-yê!
Eu quero mesmo é gostar de você!
Eu quero mesmo é falar de amor!
Eu quero mesmo é sentir seu calor! Eu quero mesmo!

Por muito tempo eu sentia vergonha das coisas que eu sinto
E disfarçando, escrevia difícil só pra complicar
Quando a flor é uma flor e não tem outro jeito da gente dizer,
Pra que mentir, se eu sei, eu sei que…
Eu quero mesmo é cantar yê-yê-yê!
Eu quero mesmo é gostar de você!
Eu quero mesmo é falar de amor!
Eu quero mesmo é sentir seu calor! Eu quero mesmo Eu tinha medo de ver a beleza da simplicidade
Nunca falava “eu te amo” com medo de alguém me gozar
Eu gosto de “Besame Mucho” e eu gosto, eu vou tirar você desse lugar
Pra que mentir? Quando eu sei que…
Eu quero mesmo é cantar yê-yê-yê!
Eu quero mesmo é gostar de você!
Eu quero mesmo é falar de amor!

Eu quero mesmo é sentir seu calor! Eu quero mesmo!
Eu quero mesmo é cantar yê-yê-yê!
Eu quero mesmo é gostar de você!
Eu quero mesmo é falar de amor!
Eu quero mesmo é sentir seu calor! Eu quero mesmo!
Eu quero mesmo é cantar yê-yê-yê!(oié)
Eu quero mesmo é gostar de você!(minha nega)
Eu quero mesmo é falar de amor!
Eu quero mesmo é rimar amor com dor!

Composição: raul seixas/claudio roberto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *