Arquivos da categoria: Os 24 Maiores Sucessos da Era do Rock – 1975

Cantiga de Ninar

Nada tão belo como uma criança dormindo
Nem tão profundo como dormir sem sonhar
Nem tão antigo como o sonho dos teus olhos
Nem tão distante como a hora de acordar

Dorme enquanto teu pai faz músicas
Que é a forma dele rezar
Todos os sonhos na realidade
São verdades, se eu puder cantar

Você chora quando tem fome
Mas vem logo uma mamadeira
Amanhã se você chorar
Vai chorar tua vida inteira

Fiz meu rumo por essa terra
Entre o fogo que o amor consome
Eu lutei mas perdi a guerra
Eu só posso te dar meu nome

Composição: Paulo Coelho / Raul Seixas

Be-Bop-A-Lula

Well be-bop-a-lula she’s my baby,
Be-bop-a-lula I don’t mean maybe.
Be-bop-a-lula she’s my baby
Be-bop-a-lula I don’t mean maybe
Be-bop-a-lula she’s my baby, doll, my baby, doll, my baby, doll.

Well she’s the girl in the red blue jeans.
She’s the one that I know
She’s the one that loves me so.

Be-bop-a-lula she’s my baby, doll, my baby, doll, my baby, doll.
Well she’s the one that gots that beat.
She’s the one with the flyin’ feet.
She’s the one that walks around the store.
She’s the one that gets more more more.

Be-bop-a-lula she’s my baby
Be-bop-a-lula she’s my baby,
Be-bop-a-lula, I don’t mean maybe, maybe,
Be-bop-a-lula She’s my baby,
Be-bop-a-lula, I don’t mean maybe,
Be-bop-a-lula she’s my baby, doll, my baby, doll, my baby, doll.
My baby, doll, my baby, doll, my baby, doll.

Composição: Gene Vincent / Tex Davis

Marcianita/ É Proibido Fumar/ Pega Ladrão

Esperada, marcianita,
Asseguram os homens de ciência
Que em dez anos mais, tu e eu
Estaremos bem juntinhos,
E nos cantos escuros do céu falaremos de amor .
Tenho tanto te esperado,
Mas serei o primeiro varão
A chegar até onde estás
Pois na terra sou logrado,
E em matéria de amor
Eu sou sempre passado pra trás.
Sou logrado
E em matéria de amor
Eu sou sempre passado pra trás
Eu quero um broto de Marte que seja sincero
Que não se pinte, nem fume
Nem saiba sequer o que é Rock And Roll
Marcianita, branca ou negra,
Gorduchinha, magrinha, baixinha ou gigante,
Serás, meu amor
A distância nos separa,
Mas no ano 70 felizes seremos os dois.
No ano 2000 ié é

É proibido fumar
Diz o aviso que eu li
É proibido fumar
Pois o fogo pode pegar
Mas nem adianta o aviso olhar
Pois a brasa que agora eu vou mandar
Nem bombeiro pode apagar
Nem bombeiro pode apagar
Eu pego uma garota e canto uma canção
E nela dou um beijo com empolgação, rá!
Do beijo sai faísca e a turma toda grita
Que o fogo pode pegar, rá! Ah!
Nem bombeiro pode apagar
O beijo que eu dei nela assim
Nem bombeiro pode apagar
Garota pegou fogo em mim
Sigo incendiando, bem contente e feliz
Nunca respeitando o aviso que diz
Que é proibido fumar, rá! Rá! Arrá!
Que é proibido fumar…

Estava com um broto no portão
Quando um grito ouvi
Pega ladrão!
Alerta então fiquei
Porém ninguém vi
E o tal larápio esperei
Passar por ali
Meu bem apavorada
Em casa entrou
E nem na despedida
Me beijou
Ouviu-se então na rua
Um Tremendo alarido
Pois ninguém
Pegou o tal bandidoOuviu-se então na rua
Um Tremendo alarido
Pois ninguém
Pegou o tal bandido……

Composição: Erasmo Carlos

The Great Pretender

Oh! Yes, I’m the great pretender,
Pretending that I’m doing well
I need you such, I can’t tell too much
I’m lonely, but no one can tell

Oh! Yes, I’m the great pretender,
A drift in a world of my own
Yes, I play the game, but to my real shame
You’ve left me to dream all alone

Too real is this feeling of make believe
Too real when I feel what my heart can’t conceal

Oh! Yes, I’m the great pretender,
Just laughing and gay as a clown
When I seem to be what I’m not you see,
I’m wearing my heart like a crown

Pretending that you’re still around

Composição: Buck Ram

Estupido Cupido/ Banho de Lua/ Lacinhos Cor de Rosa

Oh! cupido, vê se deixa em paz,
Meu coração já não agüenta mais
Eu amei há muito tempo atrás,
Já cansei de tanto soluçar
Hei, hei, é o fim, oh, cupido pra longe de mim (2x)
Não tinha um coração cansado de chorar,
A flecha do amor só trás angústia e a dor
Oh! cupido, vê se deixa em paz,
Meu coração já não agüenta mais
Eu amei há muito tempo atrás,
Já cansei de tanto soluçar
Hei, hei, é o fim, oh, cupido pra longe de mim

Tomo banho de lua, fico branca como a neve
Se o luar é meu amigo, censurar ninguém se atreve
É tão bom sonhar contigo, oh! luar tão cândido
Sob um banho de lua, numa noite de esplendor
Sinto a força da magia, da magia do amor
É tão bom sonhar contigo, oh ! luar tão cândido
Tim, tim, tim,banho de lua, tim, tim, tim, baixando o
Vento
Ao mundo oh lua, cândida lua vem
Tomo banho de lua, fico branca como a neve
Se o luar é meu amigo, censurar ninguém se atreve
É tão bom sonhar contigo, oh! luar tão cândido
Oh! luar tão cândido

Um sapatinho eu vou, com laco cor de rosa enfeitar, e
Perto dele eu vou andar devagarinho e o broto
Conquistar.

Composição: Filippi / Sedaka / Greenfield / Grant / Fred Jorge / Migliacci

Poor Little Fool/ Bernadine

I used to play around with hearts that I didn’t care at all
But when I met that little girl I knew that I would fall
Poor little fool oh yeah I was a fool uh huh
(Uh huh poor little fool I was your fool oh yeah)

She played around and teased me with her carefree devil eyes
She’d hold me close and kiss me but her heart was full of lies
Poor little fool…

Oh, Bernadine (sigh)
Oh, oh, oh, Bernadine
I can tell by the dimple on your chin
You’re in beautiful shape for the shape you’re in
An’ I’m in shape for Bernadine

Oh, Bernadine
Oh, oh, oh, Bernadine
When you wander inta my dreams at night
Your remarkable form is a pure delight
I go, go, go for Bernadine

Composição: Johnny Mercer

Rua Augusta

Entrei na Rua Augusta
A 120 por hora
Toquei a turma toda
Do passeio pra fora
Com 3 pneus carecas
Sem usar a buzina
Parei a quatro dedos
Da esquina
Falou!

Vai! Vai! Johnny
Vai! Vai! Alfredo
Quem é da nossa gangue
Não tem medo

Vai! Vai! Johnny
Vai! Vai! Alfredo
Quem é da nossa gangue
Não tem medo

Meu carro não tem breque
Não tem luz
Não tem buzina
Tem 3 carburadores
Todos os 3 envenenados
Só para na subida
Quando falta a gasolina
Só passa se tiver
Sinal fechado
Tremendão!

Vai! Vai! Johnny
Vai! Vai! Alfredo
Quem é da nossa gangue
Não tem medo

Vai! Vai! Johnny
Vai! Vai! Alfredo
Quem é da nossa gangue
Não tem medo

Meu carro é vermelho
Não uso espelho pra me pentear
Botinha sem meia
E só na areia eu sei trabalhar

Ca-ca-cabelo na testa, eu sou o dono da festa
Pertenço aos Dez Ma-a-a-a-ais
Se você quiser experimentar
Eu sei que vou gostar

Ele é o bom, é o bom, é o bom
Ele é o bom, é o bom, é o

Meu carro é vermelho
Não uso espelho pra me pentear
Botinha sem meia
E só na areia eu sei trabalhar

Ca-ca-cabelo na testa, eu sou o dono da festa
Pertenço aos Dez Ma-a-a-a-ais
Se você quiser experimentar
Eu sei que vou gostar

Ele é o bom, é o bom, é o bom
Ele é o bom, é o bom, é o

Composição: Hervé Cordovil